22 jul 2015

Ourofino mostra os benefícios da indução de lactação

Vacas que chegam vazias ao final da lactação representam prejuízo para o produtor por não produzirem leite e por aumentar o intervalo entre os partos, levando-o muitas vezes ao descarte do animal.

Para este cenário, a técnica de indução de lactação é uma alternativa que garante maior vida útil às vacas nessa situação e reestabelece a produção. “O tratamento é feito com fármacos simulando a variação hormonal que ocorre naturalmente em uma gestação, nos três últimos meses. Nesse momento existem níveis altos desses hormônios no organismo da vaca e é quando ocorrem os estímulos da glândula mamária”, explica Michele Barros, coordenadora técnica em saúde animal da Ourofino.

Michele será entrevistada nesta sexta-feira (24) no Ourofino em Campo, exibido ao vivo pelo Canal do Boi, a partir das 11h30 (horário de Brasília) para explicar os benefícios e os cuidados que o produtor deve ter ao aplicar a técnica em seu rebanho.  Entre os fatores a serem observados estão a sanidade das vacas, nutrição e o período de 60 dias entre as lactações para oferecer descanso e regeneração da glândula mamária.

Os telespectadores podem participar com perguntas sobre o tema pelo ourofinoemcampo@ourofino.com e pelo 0800 941 2000.

 

Sobre o Ourofino em Campo

Prestes a completar cinco anos no ar, em setembro deste ano, o programa televisivo da empresa Ourofino Saúde Animal apresenta o dia a dia do homem do campo com enfoque na pecuária. Aborda práticas fundamentais para o desenvolvimento do agronegócio brasileiro, como a produção de bovinos, aves, suínos e criação de equinos. O Ourofino em Campo é exibido pelo Canal do Boi (parabólica), de segunda a sexta-feira em dois horários: às 11h30 e às 17h50; e aos domingos às 9h30 (horários de Brasília).

As reportagens e o programa na íntegra também podem ser vistos em www.ourofinosaudeanimal.com/videos

Tags


Deixe o seu comentário