15 out 2018

Confinamento: saiba mais sobre esse tipo de produção

Confinar o gado traz muitas vantagens, entre elas o aumento da eficiência produtiva do rebanho, a redução da idade para abate, o melhor aproveitamento da mão de obra e da propriedade ao permitir a integração entre lavoura e pecuária, além da possibilidade de administrar a produção de carne mesmo no período de escassez.

Rondônia é um dos estados brasileiros com destaque na produção em confinamento. Com tradição na criação a pasto, os pecuaristas têm migrado para essa opção com mais de 100 mil cabeças já em produção neste sistema.

O estado tem aproximadamente 14 milhões de cabeças, 73% de animais de corte, formando o 6º maior rebanho bovino do país. O estado é o 5º em exportação de carne e o 8º produtor de leite.

Em todo o Brasil, a expectativa é que até a próxima década, o gado criado em confinamento represente 20% do total de animais abatidos no ano. Estima-se também que 2018 feche o ano com mais de 5 milhões de cabeças confinadas no país. Em 2002, o número era de 3 milhões.

Conheça mais sobre o trabalho da Ourofino Saúde Animal nos confinamentos locais com o consultor comercial Martinus Kompier.

Confira outros conteúdos sobre confinamento e a produção bovina em Rondônia em nosso Canal do YouTube.

Veja também:

Cuidados com o confinamento

Ricobendazole 10

Ourovac Poli BT

Protocolo de entrada em confinamento

Desafios sanitários em confinamento

Tags


Deixe o seu comentário